.

" Em momentos de crise, só a imaginação é mais importante que o conhecimento".
(Albert Eisten)

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

O que me atrai?


Nossa tanta coisa me atrai,
os homens, pode ser uma resposta,
mas os homens submissos, não somente me atraem,
mas também me encantam,
gosto de fazê-los sentir,
sentir o meu gosto,
sentir o seu medo,
fazer seu medo aumentar,
vê-lo se contorcer,
tê-lo aos meus pés,
e saber que todo o prazer que ele me dá,
ele o sente, quando se entrega.

11 comentários:

Anônimo disse...

quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá

.:luiza:. disse...

a minha amiga faz poesia! ADOREI!

.:luiza:. disse...

engraçado, não entendi a imitação de pato que veio antes de meu comentário...

Será que era pra tentar rir? Aff desastroso.

Engraçado perceber como o anonimato dá coragem a ratos.

Anônimo disse...

quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá
quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá quá

A Pandora disse...

é exatamente isso que acontece amiga,
se fosse para ser levado a a sério,
ele(a) pelo menos tem que mostrar a cara.
Coisa de covardes,
no nosso mundo tem tanto, fazer o que?
Relevar e passar por cima.

Bjs, lú.

.:luiza:. disse...

ai ai...

fico só olhando toda esta infâmia...

Será que este povo que acompanha a vida alheia feito novela não tem o que fazer?

Sei lá, quem sabe um tanque de roupa suja pra lavar...(dispensa a máquina de lavar uma vez na vida e faz algo útil porra!.

É por estas e outras que odeio ratos. São covardes e nojentos. Sabe daqueles de esgoto que a gente vê nas ruas quando chove demais?Argh.

Fico aqui com meus botões pensando ...


Este "ser" dotado de grande carga de imbecilidade deve vir aqui todo dia aumentar seu contador de visitas e verificar a repercussão da idiotice que fez. Coisa de retardado mesmo, fazer o que?

Que cada um tenha o nível de idiotia que merece. Desconfio que o ser que quer ser pato tem um grau bem elevado.

.:luiza:. disse...

Ah nega... a covardia...

Acho uma puta sacanagem. Falta paciência pra aguentar imbecilidade e covardia.

Segundo meus antiquados e ultrapassados conceitos éticos, a pessoa tem que se posicionar, seja para o bem ou para o mal. Ficar escondido ou em cima do muro nunca me foi permitido. Mainha sempre me disse: apanhe minha filha, mas apanhe tendo conceito próprio. Nunca seja covarde nem morna.

Coisas mornas NÃO afetam o paladar.

Sei lá, sinceridade está em desuso na vida. Não só no BDSM.

Talvez eu esteja mais intolerante que o costume, mas o fato é que estas coisas me indignam. Porra, porque não diz: Pandora, achei seu texto uma merda. Ass: NOME. Simples!

Já que quer dar opinião(apesar de ninguém ter pedido), que assuma e assine oras.

Mas enfim, vou lá cuidar da vida que ganho mais.

Ô nega, foi mal o desabafo comprido...

Xero, adoroooooooooooooo você!

Pandora disse...

Amiga,

Não se preocupe,
tem gente que é assim mesmo,
mas a melhor coisa a fazer,
é pular isso,
jogar para o alto,
e pensar que é melhor quem assume seus atos.

MeNiNa MaLvAdA disse...

achei lindo o que vc escreveu, muito mesmo e amo poesia...isso sim é manifestação de sentimentos, cada vez mais fã do teu blog e ignore o inútil acima!

Pandora disse...

Não foi poesia, foi um desabafo.
vontade de falar a verdade,
e de mostrar o que eu sinto.

MeNiNa MaLvAdA disse...

então, desabafo, nada mais é do que poesia...